Da Pinha vem o Pinhão, da nossa consciência a Preservação

Stella Bilike Kachinski

Da Pinha vem o Pinhão, da nossa consciência a Preservação

Projeto de Stella Bilike Kachinski

Contribuição do projeto para a educação

O CMEI se localiza em um bairro rural do município de Castro, onde boa parte dos habitantes tem na comercialização do pinhão a principal renda para subsistência da família, isso me tocou e senti necessidade de conscientizar os alunos e também a comunidade do Bairro quanto à importância da preservação da Araucárias. Iniciamos com a lenda da gralha azul, reproduzindo-a em atividades pedagógicas, sempre ficando na ave como a criadora e mantenedora das Florestas de Araucária. Seguimos com o Hino da Gralha Azul e depois aprendemos de forma divertida sobre a importância dos animais no cultivo das Araucárias com a Palestra de Policiais Ambientais. Em sala entendemos o porquê os Pinheiros tem diminuído tanto, a importância da Árvore para a comunidade e com o auxílio de um Engenheiro Florestal conseguimos estender aos pais os riscos no corte, extração incorreta e fora de época da semente.

Aspectos curriculares atendidos pelo projeto

O projeto surgiu devido a quantidade de famílias da nossa comunidade que necessitam da semente da árvore se Araucária para ter uma renda.

Trabalhamos o cuidado com o meio ambiente, e como além dos pais das crianças, os animais também precisam do alimento que o Pinheiro produz. Além de trabalhar a importância de se respeitar a profissão, pois futuramente as crianças vão estar no lugar dos pais fazendo a extração e venda, mas com total consciência de que existem datas para fazer a retirada respeitando o ciclo da Araucária.

O projeto desenvolveu o senso crítico dos alunos, que compreenderam a importância de cuidar do meio ambiente, dos animais e da nossa árvore símbolo, os alunos aprenderam na prática e hoje transmitem aos demais sobre a importância de se preservar, como a Araucária está presente no dia a dia deles, sabem como é importantes a renda que ela fornece, e que para eles e as famílias, a Araucária vale muito mais em pé, por isso o corte é ilegal.

Valorização da diversidade e inclusão

O projeto desenvolveu a valorização das famílias que sobrevivem devido a renda da extração e venda do pinhão, além de ensinar sobre os cuidados que devem ter com a Araucária e com o meio ambiente.

Atividades desenvolvidas no Projeto

Iniciamos com o lenda da gralha azul, os alunos aprenderam o hino da gralha azul.Para que pudéssemos mudar na prática a questão da extinção, as crianças realizaram o plantio de mudas de Araucária, para que isso fosse possível consegui parceria com a APREMAVI, ICMBio e UFPR, que nos auxiliaram cedendo áreas de Preservação ambiental e mudas selecionadas de Pinheiro, além de promover uma Feira Gastronômica, onde as crianças e a comunidade puderam conhecer os benefícios do pinhão e as diversas maneiras que podem ser feitos.

Além de com o apoio de um vereador, foi implantada a Lei que coloca o Dia 24 de junho como Dia Municipal da Araucária em nosso município, e na semana que segue as escolas devem trabalhar a preservação da árvore símbolo do nosso Estado.

Instrumentos utilizados na avaliação

Vídeos sobre plantio, palestras sobre o meio ambiente, desmatamento e o impacto dos mais cuidados com a natureza. Mudas e sementes de Pinheiro.

Resultado observado

A educação ambiental na educação infantil é imprescindível para formar cidadãos conscientes da importância da preservação e cuidado com a natureza, pois as sementes que plantamos durante esse ano, foram plantadas pensando no futuro, pois serão colhidas pelas próprias crianças quando adultos e suas próximas gerações, e eles vão sempre repassar aos demais a importância de ter realizado uma atividade tão nobre quando pequenos, além de que os Pinheiros vão contribuir na renda de suas famílias futuramente.

O texto deste projeto foi enviado pelo autor e é de responsabilidade do autor deste projeto.

Projeto ajuda no desenvolvimento de quais competências?

ConhecimentoComunicaçãoRepertório culturalCultura digitalTrabalho e projeto de vidaEmpatia e cooperaçãoResponsabilidade e cidadaniaPensamento científico, crítico e criativo

Horas/Aulas aplicadas ao projeto.

250 horas diárias

250 horas diárias

Público-alvo do projeto.

Infantil

Horas/Aulas aplicadas ao projeto.

Parque

Escola Pública

Escola Particular

Quantidade adequada de participantes.

0 participantes

0 participantes

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Imprimir Página